Publicidade

Notícias

Aluguel de imóveis por temporada na época da Copa chega a custar R$ 30 mil em Fortaleza

Sites de locação por temporada oferecem apartamentos e casas em diversos bairros da Capital cearense

Por: verdinha às 15:32 de 05/12/2013

Foto: Diário do Nordeste

Foto: Diário do Nordeste

Alugar um imóvel por temporada durante a Copa do Mundo de 2014, em Fortaleza, pode chegar a custar R$ 30 mil, dependendo da localização. A Redação Web da Rádio Verdes Mares fez um levantamento em sites especializados nesse tipo de locação curta e encontrou valores que variam de R$ 10 mil a R$ 30 mil, para o período de 12 de junho a 12 de julho do próximo ano.

O apartamento mais caro encontrado fica localizado na Praia de Iracema, com vista para o mar, dois quartos e capacidade para 6 pessoas. O mesmo imóvel em período normal é alugado por cerca de R$ 7 mil/mês, de acordo com informações disponibilizadas no site Alugue Temporada.

Outro apartamento, dessa vez no bairro Mucuripe, custa R$ 10 mil, fica bem próximo ao calçadão da Av. Beira-Mar, possui dois quartos, um banheiro e capacidade para seis pessoas. Em outros períodos, o apartamento é alugado durante um mês por no máximo R$ 5 mil.

Ainda na orla de Fortaleza, um apartamento na Praia do Futuro é oferecido por cerca de R$ 15.000. O imóvel possui quatro quartos, três banheiros e tem capacidade para oito pessoas. Em períodos normais, a diária do imóvel custa R$ 350, de acordo com o site Temporada Plus.

A distância da orla marítima da Capital cearense não diminui muito o preço. Do outro lado da cidade e mais próximo à Arena Castelão, onde acontecerão os jogos do Mundial, uma casa duplex, com quatro quartos, cinco banheiros e capacidade para 14 pessoas também custa por volta de R$ 15 mil. O imóvel fica localizado na Avenida Paulino Rocha e, em períodos normais, a diária da residência fica entre R$ 200 e R$ 300.

Foto: Fabiane de Paula/ Diário do Nordeste

Foto: Fabiane de Paula/ Diário do Nordeste

Procura por imóveis para locar durante a Copa ainda é baixa

De acordo com a  empresa FZ Imóveis, ainda não há grande procura para o período. “A gente trabalha mais com temporada mensal, e talvez esse da Copa seja mais temporada de final de semana”, afirma Ângela Pinheiro, gerente da FZ.

Ela acredita que o torcedor não passará muito tempo em um único local do Brasil. “Eu estou entendendo que o torcedor vem para acompanhar o seu time. Ele vai passar no máximo cinco dias, não é um período longo”. Já a busca pela época de alta estação, dezembro e janeiro, está bastante movimentada, de acordo com a gerente. “Já alugamos todos os imóveis para a alta estação”, disse, garantindo que a empresa está investindo em estratégias para estimular as locações em junho e julho de 2014.

De olho nas oportunidades que o evento esportivo trará, a cabeleireira Josy de Sousa colocou um duplex, localizado na Lagoa Redonda, para alugar. Ela divulga o imóvel por meio de uma fan page no Facebook e diz que já teve algumas propostas. “Recebi contatos de muitos europeus, mas ainda não conseguir fechar nada. Ainda faltam seis meses para o evento, mais para frente eu acho que consigo alugar”, diz. A proprietária está pedindo R$ 15 mil durante todo o período da Copa. A casa possui quatro quartos, dois banheiros e tem capacidade para até 20 pessoas.

Já a aposentada Zeneida Nóbrega tem um imóvel no Meireles, na Avenida Senador Virgílio Távora, a quatro quarteirões da Av. Beira Mar. Zeneida colocou o apartamento para alugar no site Alugue Temporada e já recebeu vários emails de interessados para a época da Copa do Mundo.

Foto: Diário do Nordeste

Foto: Diário do Nordeste

“Já recebi muitas propostas. Recebi de Piauí e Mato Grosso, mas a maioria foi de estrangeiro. Gente da Inglaterra, Estados Unidos e Espanha”, afirma. Ela, no entanto, diz que ainda não fechou contrato para o período.

“Eu tenho impressão que consigo gente para alugar na Copa, no início de 2014, quando passar o Natal e o Ano Novo, porque esse período é de festa e as pessoas têm muitos gastos. Espero faturar porque não tem como ficar com o imóvel parado, até porque eu pago condomínio, TV por assinatura e energia”, afirma. O apartamento dela possui dois quartos, dois banheiros e tem capacidade para, no máximo, seis pessoas. Zeneida acredita que pode locá-lo, na época da Copa, por R$ 800 a diária, caso o visitante fique 15 dias. O preço da diária pode aumentar se os turistas quiserem alugar por menos dias ou pode diminuir, caso desejem passar mais tempo no imóvel.

Comentar

Identificação

Se estiver com pressa, conecte-se a uma dessas redes para preencher seu cadastro.


Comentários(0)

Publicidade