Publicidade

Notícias

Empresas aéreas iniciam novas regras de despacho de malas

Por: verdinha às 9:54 de 19/05/2017

avião

foto: imagem/reprodução

A partir desta quinta-feira (17), as empresas aéreas começaram a aplicar em todo País as novas regras de cobrança de despacho de malas. A medida só valerá para passagens compradas a partir do dia 14, e não para viagens dessa data em diante.

Pela regra atual, os passageiros podem despachar, sem cobrança adicional, bagagens de até 23 quilos em viagens nacionais e dois volumes de 32 quilos cada um em voos internacionais. Além disso, é permitido levar na cabine bagagem de mão de até 5 quilos.

Para evitar constrangimentos e situações inusitadas ao embarcar, é indicados que os passageiros fiquem atentos às mudanças:

LATAM Airlines Group

A companhia aérea Latam implementará as novas regras gradativamente. A cobrança pela bagagem despachada em voos promocionais iniciará “nos próximos 50 dias”. O preço cobrado será a partir de R$ 30 para a primeira mala despachada em voos nacionais.

A cobrança por excesso de bagagem será diferente para cada tipo de rota. Voos nacionais cobrarão tarifa fixa de R$ 80 por peça excedente. Para pesos entre 23 e 32 quilos, o valor será de R$ 120; entre 32 e 45 quilos, R$ 200.

Em voos internacionais para América do Sul e Caribe, a tarifa fixa por peça excedente será de US$ 90. Entre 23 e 32 quilos, o valor será de R$ 90. entre 32 e 45 quilos, US$ 180. Para outras rotas internacionais, a peça excedente custará US$ 150; bagagens com peso entre 23 e 32 quilos terão cobrança de R$ 100; entre 32 e 45 quilos, R$ 200.

Gol

A empresa disse que vai lançar uma nova classe tarifária promocional, a tarifa Light, para clientes que aceitarem viajar só com a mala de mão. Os clientes que comprarem essas passagens poderão despachar a mala e pagar por esse serviço a parte. O preço será menor para os clientes que comprarem o serviço antes do voo, pela internet, nos canais de autoatendimento ou nas agências de viagem. Os valores serão maiores para quem decidir despachar a mala no balcão de check-in.

O preço da primeira bagagem despachada em voos nacionais será de R$ 30 ou R$ 60 – o valor mais barato é para quem comprar o serviço pela internet e o mais caro para quem fizer a opção no balcão de check in. Para os voos internacionais, o preço da primeira mala varia entre US$ 10 e US$ 20.

Azul

Com o início da cobrança marcada pra começar dia 1º de junho, a empresa disse que vai lançar uma nova classe tarifária promocional para clientes que aceitarem viajar só com a mala de mão. . Para esses clientes, a companhia oferece descontos de até 30% e cobrará R$ 30 se eles quiserem ter a mala despachada.

Com a mudança, as passagens da Azul serão classificadas em duas categorias: a “Azul” e a “MaisAzul”. “Ao optar pela categoria Azul, o cliente pagará mais barato pela passagem na comparação com a tarifa MaisAzul e poderá escolher pela compra ou não do serviço de bagagem despachada. A categoria MaisAzul mantém a prática tarifária atual, inclui franquia de 23 kg de bagagem e sempre estará disponível para compra”, explicou a empresa.

Comentar

Identificação

Se estiver com pressa, conecte-se a uma dessas redes para preencher seu cadastro.


Comentários(0)