Esporte

Fortaleza enfrenta Criciúma buscando voltar a vencer na Série B; veja informações

Por: verdinha às 12:49 de 06/09/2018

Foto: Thiago Gadelha

Foto: Thiago Gadelha

No próximo sábado (08), o Fortaleza enfrentará o Criciúma, fora de casa, em partida válida pela 26ª rodada da Série B. Mesmo ocupando posições bastante diferentes no campeonato, ambas as equipes passam por um momento irregular: das últimas cinco partidas, o Leão venceu duas, perdeu duas e empatou uma, enquanto o Tigre, venceu uma, perdeu duas e empatou duas.

Histórico

As equipes já se enfrentaram oito vezes em sua história, entre Série A e Série B. Esse retrospecto é bastante equilibrado, mas é favorável ao Tricolor: foram quatro vitórias do Fortaleza, um empate e três vitórias do Criciúma.

Os jogos mais emblemáticos entre os clubes aconteceu em 2002, pela ida e volta da final da Série B. No primeiro jogo, o Leão venceu por 2 a 0, em casa, com gols de Vinícius e Finazzi. Já na volta, os donos da casa conseguiram fazer 4 a 1 e se sagraram campeões brasileiros da Segundona naquele ano.

O último jogo entre os times aconteceu em maio deste ano, pela sétima rodada. Na ocasião, o Tricolor venceu por 2 a 0, com gols de Gustavo e Leonan.

Como as equipes chegam para a partida

Criciúma

O time catarinense vem de um resultado positivo: venceu o Juventude, fora de casa, por 1 a 0, na última rodada. Com isso, saiu de perto do Z4 e subiu duas posições. Agora, é o 14º colocado, com 29 pontos.

No ranking dos melhores ataques da Série B, o Criciúma está em 12º lugar, com 24 gols marcados (14 deles marcados em casa), e é o 14º no ranking das defesas, com 30 gols sofridos (11 deles em casa), segundo o site FutDados. Também não tem um desempenho tão bom como mandante: é o sétimo pior do campeonato, com quatro vitórias, seis empates e quatro derrotas.

Fortaleza

Já o Leão vem de uma partida onde poderia ter feito mais: empatou com o Figueirense, na Arena Castelão, em 2 a 2, na última terça-feira (04). A equipe tricolor ainda continua na liderança, mas a diferença de seis pontos para o CSA, segundo colocado, caiu para quatro; para o quinto lugar, Atlético-GO, é de sete pontos.

Contra o Figueirense, foi o sétimo jogo consecutivo que o Tricolor toma gol, tendo perdido dois e empatado um. A última vez que a defesa passou intacta foi contra o Juventude, na 18ª rodada, quando o time cearense venceu os gaúchos por 3 a 0, fora de casa.

De acordo com o FutDados, Fortaleza ainda é dono do melhor ataque da competição, com 39 gols (16 dos quais marcados fora de casa), e tem a quarta melhor defesa, com 24 gols sofridos (13 deles fora de casa). É o quinto melhor visitante (atrás apenas de Avaí, Figueirense, Goiás e Ponte Preta), com cinco vitórias, três empates e quatro derrotas fora de casa.

Além disso, o time comandado por Rogério Ceni tem cinco jogadores no departamento médico. Adalberto (com problemas na lombar) e Marlon (com dores no adutor da coxa) participaram da última partida, mas são dúvida até mesmo para viajar com a equipe; Leonan, com um edema na parte anterior da coxa, foi cogitado para atuar na terça-feira, mas não entrou em campo; Nenê Bonilha (que está se recuperando de um estiramento na coxa) e Wilson (que se recupera de uma torção no tornozelo) já estão há mais dias no DM.

A partida entre Criciúma e Fortaleza acontecerá no sábado (08), às 16h30, no Estádio Heriberto Hülse.