Publicidade

Esportes

Ceará Gospel: saiba mais sobre a torcida organizada religiosa do alvinegro de Porangabussu

Por: verdinha às 7:18 de 13/07/2017

Integrantes da Ceará Gospel marcando presença no jogo entre Ceará x Internacional. Foto: Josepson Lima

Integrantes da Ceará Gospel marcando presença no jogo entre Ceará x Internacional. Foto: Josepson Lima

Em todo jogo de futebol, é muito comum que os torcedores xinguem a arbitragem ou os jogadores do próprio time, por qualquer erro que cometam, em um ímpeto quase que incontrolável. No entanto, a torcida organizada religiosa do Ceará prega o contrário disso e evita usar palavrões ou entrar em discussões por causa do time.

Fundada no dia 10 de janeiro deste ano, a Ceará Gospel surgiu com a vontade de Josepson Lima, criador da torcida, de fazer parte de uma organizada. “Só que, para um cristão, não ficava muito legal porque muitas têm relação com bebidas e outras coisas. E também pelas rivalidades que existem nas torcidas organizadas, ficava um pouco perigoso”, explicou o torcedor.

Segundo ele, a idealização da torcida teve as redes sociais como fortes aliadas na divulgação e no engajamento das pessoas. “Criei a página no Facebook, fiz um Twitter, fiz um Instagram, e aí eu comecei. Eu participava de alguns grupos no Whatsapp de torcidas do Ceará, fiquei compartilhando, algumas pessoas gostaram, perguntaram se tinha grupo. Depois de criado, as pessoas começaram a chegar no grupo da Ceará Gospel.”, relatou. O momento que Josepson considera como um dos de maior visibilidade alcançada pela organizada foi quando levou uma faixa ao aniversário de 103 anos da equipe.

Com isso, a Ceará Gospel já conta com mais de 80 integrantes, das mais variadas religiões. “A maioria (dos torcedores) é de igrejas evangélicas, espalhadas na capital, no interior, que fica mais longe, mas participa dos atos. É aberto para quem quiser entrar, pode ser católico ou de qualquer outra religião.”

Josepson disse que os integrantes vão aos jogos com frequência, a não ser que tenham outros compromissos: “A gente tá sempre fazendo um esforço para ir em todos os jogos, só que nem todos vão, porque tem culto, tem trabalho, que, às vezes, impedem de todos comparecerem nos jogos.”

O principal objetivo da Ceará Gospel, segundo ele, é de não só apoiar o time, como também de levar a paz aos estádios e de evangelizar os outros torcedores. “É um pouco difícil, a gente sabe, mexe com paixão e rivalidade, mas esse é o nosso objetivo, de torcer na paz, sabendo que um dia a gente ganha e um dia a gente pode perder. Esse é o legado do esporte.”, afirmou. É por isso que eles evitam direcionar xingamentos para o árbitro e para os jogadores: “Na questão de um jogador não ir bem, a gente evita falar palavrão. O juiz também a gente evita. A gente tem que abençoar porque é coisa do futebol.”

Ação social realizada pela Ceará Gospel no bairro Rodolfo Teófilo. Foto: Josepson Lima

Ação social realizada pela Ceará Gospel no bairro Rodolfo Teófilo. Foto: Josepson Lima

Além disso, os integrantes da Ceará Gospel também se organizam para realizar ações sociais. A primeira foi na Areninha do bairro Rodolfo Teófilo, em junho deste ano, para uma mulher em dificuldades. “Levamos frutas e legumes, pregamos a palavra de Deus e fizemos orações pra família dela.” A expectativa do torcedor é de que sejam feitas outras ações: “Essa foi só a primeira de várias ações que a gente pretende fazer. Se percebemos que uma pessoa que esteja precisando, não importa quem seja, vamos fazer uma ação. O importante é ajudar ao próximo.”

 

Comentar

Identificação

Se estiver com pressa, conecte-se a uma dessas redes para preencher seu cadastro.


Comentários(0)