Notícia

Dataprev abre 4.016 vagas para concurso público; salários são de até R$ 6,3 mil

As inscrições podem ser feitas no site do Instituto Quadrix até o dia 17 de novembro; a taxa de inscrição é de R$ 50 para nível médio e R$ 80 para nível superior

Por: verdinha às 18:26 de 20/10/2014

Foto: Rodrigo Carvalho/ Diário do Nordeste

Foto: Rodrigo Carvalho/ Diário do Nordeste

A Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência Social (Dataprev) está com inscrições abertas a partir desta segunda-feira (20) para concurso público. As 4.016 vagas são para formação de cadastro reserva do Quadro de Pessoal da empresa para cargos de nível médio e superior. Já para o primeiro nível de escolaridade, haverá vagas para os cargos de auxiliar de enfermagem do trabalho e técnico de segurança do trabalho.

Com remunerações que variam de R$ 3.129,73 e R$ 6.395,39, as vagas estão divididas entre as 26 capitais estaduais e no Distrito Federal, como Boa Vista (RR), Palmas (TO), Natal (RN), Fortaleza (CE), Brasília (DF), São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ) e Florianópolis (SC).

As inscrições podem ser feitas no site do Instituto Quadrix até o dia 17 de novembro, tendo como taxa de inscrição R$ 50 para cargos de nível médio e R$ 80 para nível superior.

As provas estão previstas para o dia 14 de dezembro de 2014 e se dividirão em três fases: prova objetiva, discursiva e análise de títulos. As avaliações objetivas serão o método utilizado para a classificação dos candidatos para todos os cargos; já as outras duas fases se destinam somente às pessoas que tentarão os cargos de nível superior.

As jornadas de trabalho são de 4, 6 ou 8 horas diárias, conforme a função.

Notícia

Músicos que tocam no Mercado dos Pinhões estão há 7 meses sem receber cachê

Por: verdinha às 15:07 de 20/10/2014

mercado-pinhoes

Foto: Arquivo/Diário do Nordeste

Alguns músicos que costumam tocar no Mercado dos Pinhões, bem cultural da cidade de Fortaleza, vêm passando por dificuldades, pois estão há 7 meses sem receber o cachê referente às apresentações.

Um dos maiores nomes do choro cearense, Macaúba do Bandolim, de 71 anos, conta que fez shows no mercado nos meses de março e maio, e, até agora, não houve remuneração. O filho de Macaúba, Marinaldo do Bandolim, passa pela mesma situação e cobra frequentemente a produtora responsável e a Secretaria de Cultura de Fortaleza (Secultfor) pelo pagamento. Porém, a resposta que recebe da produtora é a de que ‘a previsão é que não tem previsão’. “Ligo toda semana para a produtora e para a Secultfor, que não me dão previsão de quando vai sair o cachê. É um absurdo ficarmos sem esse pagamento”, diz.

Marinaldo também revela que já recebeu diversos convites para tocar no Mercado dos Pinhões, mas é obrigado a recusá-los por conta do atraso nas remunerações, apesar de considerar o local um ambiente agradável e no qual muitos músicos gostam de tocar.

Lauro Viana, outro instrumentista que costuma se apresentar nas sextas de chorinho do Mercado, declara que a situação é ainda mais complicada para quem vive só da música. “Para nós, que vivemos de música, é muito difícil não receber o devido pagamento pelo nosso trabalho”.

Músico deixou de tocar no Mercado por não receber pagamentos

Samuel Rocha, violonista de 7 cordas, costumava tocar no local e deixou de fazer apresentações por lá pelo mesmo motivo. “Eu evito tocar lá justamente para não passar por isso, o lugar é maravilhoso, as pessoas gostam da boa música e isso é legal para os músicos, porém, com esse contrato, não dá”.

Ele ainda diz que a eficiência no pagamento do cachê de artistas que vêm de fora é maior. “Artistas de fora ou grandes atrações quando vêm tocar no Mercado recebem 50% 2 dias antes e 50% antes de subir no palco, e por que nós, músicos da própria capital, temos que esperar 7 meses?”, questiona.

Samuel lamenta que um dos maiores bens culturais da cidade esteja deixando de receber artistas de talento, que promovem a cultura. Segundo ele, os frequentadores do Mercado dos Pinhões deixam de prestigiar bons músicos por conta dessa situação. “Quem sai prejudicado é o público, pois muitos artistas bons estão deixando de tocar lá”.

Segundo a produtora VC Eventos, as notas de pagamento já foram enviadas à Secretaria de Finanças de Fortaleza (Sefin), porém estão à espera do depósito do cachê, que será efetuado pela Secultfor.

A Secretaria de Cultura de Fortaleza, por sua vez, informou que todos os cachês de artistas que se apresentaram na programação cultural durante o mês de abril de 2014 já foram pagos. “Quanto aos pagamentos em atraso a músicos que se apresentaram na programação cultural durante os meses de março e maio de 2014, encontram-se empenhados e liquidados, aguardando liberação na Secretaria de Finanças do Município”, diz nota da Secultfor.

Notícia

Dilma cita metrô de Fortaleza em debate e causa polêmica nas redes sociais; veja atual situação do projeto

Por: verdinha às 13:55 de 20/10/2014

Foto: José Leomar

Foto: José Leomar

O debate entre os presidenciáveis Aécio Neves (PSDB) e Dilma Rousseff (PT), na TV Record no último domingo (20), causou diversos comentários entre os cearenses nas redes sociais sobre a conclusão do Metrô de Fortaleza (Metrofor). Candidata à reeleição, Dilma citou a obra como concluída no debate. “O trem urbano de Porto Alegre foi concluído. O metro do Rio, de Fortaleza, de Recife e Salvador também”, disse a candidata.

O Metro de Fortaleza é um projeto criado em 25 de setembro de 1987 em parceria com o Ministério dos Transportes e o Governo Federal. O projeto, que já tem 27 anos, passou por diversas modificações para atender a constante demanda da sociedade. Atualmente, ele é constituído por 3 linhas de metrô e uma de Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT).

Para esclarecer a situação, a Redação Web da Rádio Verdes Mares mostra agora a situação de cada parte do projeto:

Linha Sul: Fazendo o percurso de Pacatuba para Fortaleza, a Linha Sul já está em funcionamento e atende, diariamente, milhares de cearenses que se deslocam entre a Capital e a Região Metropolitana. Com um percurso de 24,1 km, a Linha Sul passou 2 anos em operação assistida, por meio da qual os usuários utilizavam a linha sem pagar. Em outubro deste ano, iniciou a operação comercial e os passageiros começaram a pagar R$ 2,20 a inteira e R$ 1,10 a meia estudantil.

A abertura das estações é às 6h30 e o fechamento às 19h, com funcionamento de segunda-feira a sábado. O percurso da linha chega a ser feito em 20 minutos. Para diminuir ainda mais o percurso, o Metrofor explica que a Linha Sul receberá equipamentos de comunicação, bilhetagem e ventilação, além de mais duas novas estações e, depois disso, a previsão é que a Linha Sul passe operar das 5h30 às 23h.

Linha Oeste: Com 19,4 km de extensão e um percurso que vai de Caucaia a Fortaleza, a Linha Oeste funciona há 20 anos como trem e o Governo Federal anunciou, em 2013, um investimento de R$ 1,2 bilhão para modernizar a linha e trocar o trem pelo metrô, diminuindo o tempo do trajeto que o usuário faz. A linha opera atualmente de 5h30 da manhã às 20h25, de segunda a sábado.

Linha Leste: O percurso da Linha Leste vai do Centro de Fortaleza ao Fórum Clóvis Beviláqua, no bairro Edson Queiroz. O projeto foi feito em 2000 e está atualmente em construção, tendo previsão para conclusão em seis anos, ou seja, em 2019. A linha terá 12,4 km de extensão e com trajeto quase todo subterrâneo. A ordem de serviço da Linha Leste foi assinada pela presidente Dilma Rousseff no dia 22 de novembro de 2013 e a verba direcionada para as obras é de cerca de 3,5 bilhões, um investimento do Governo Federal e Estadual em conjunto.

Ramal Mucuripe/Parangaba: O trajeto será atendido por um Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT), com 12,7 km de extensão, sendo 11,3 km em superfície e 1,4 km em elevado. O VLT cruzará 22 bairros e atenderá cerca de 100 mil pessoas por dia, quando estiver pronto. As obras, que deveriam estar 50% concluídas na época da Copa, estão paradas desde maio de 2014 e aguardam outro processo licitatório para continuar o projeto.

O Metrofor afirmou que o projeto completo vai sendo aumentado, modernizado e investido com base na demanda da população.

Confira imagem do Metrofor completamente:

metro

Crédito: Divulgação

Entretenimento

Cearense Camilla Uckers lança música “Quem nasceu piriga” e já tem quase 500 mil acessos; assista

Por: verdinha às 11:12 de 20/10/2014

camilla-uckers-video

Foto: Divulgação

A cearense Camilla Uckers se lança como funkeira no cenário musical com a canção “Quem nasceu piriga”. A música, publicada no dia 16 de outubro, já possui quase 500 mil visualizações até a publicação desta matéria. Com 22 anos, Camila também é vlogger e faz sucesso no YouTube com vídeos de humor.

O funk foi composto por Wallace Viana e André Vieira, mesmos autores do sucesso “Beijinho no ombro”, de Valesca Popozuda. Na canção, aparecemos bordões famosos de Camila, como “Tô pretérita” e “É muita audácia”.

Camilla está também entre os 20 perfis de Instagram de cearenses que mais bombam.

Confira o vídeo:

Imagem de Amostra do You Tube
Entretenimento

Fagner faz show em Fortaleza no aniversário de 60 anos do BNB Clube; confira ingressos

Por: verdinha às 10:07 de 20/10/2014

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

O cantor Fagner faz apresentação em Fortaleza, no dia 8 de novembro, no evento que comemora os 60 anos do BNB Clube. Será a primeira vez que o grande nome da música nordestina e nacional cantará no BNB. O show terá base no novo álbum “Pássaros Urbanos“, lançado em maio deste ano, mas contará também com canções marcantes da carreira de Fagner, como “Borbulhas de Amor“, “Canteiros” e “Deslizes”.

A mesa prata custa R$ 300 para sócios do clube e R$ 400 para não sócios. Já para ficar nas mesas ouro, os fãs de Fagner precisa desembolsar R$ 420 (sócio) e R$ 560 (não sócio). Os melhores assentos ficam na mesa premium, cujos preços variam de R$ 570 (sócio) a R$ 760 (não sócio).

O evento terá ainda show da banda Dona Zefa, com forró pé de serra após o show de Fagner.

Serviço:

Show de Fagner e Dona Zefa
Dia: 08 de novembro de 2014
Horário de abertura dos portões: 20 h
Horário do início do show: 21h
Local: BNB Clube Sede Aldeota (Avenida Santos Dumont, 3646)
Mesa Prata – R$ 300,00 (sócio) e R$ 400,00 (não sócio)
Mesa Ouro – R$ 420,00 (sócio) e R$ 560,00 (não sócio)
Mesa Premium – R$ 570,00 (sócio) e R$ 760,00 (não sócio)
Mais informações: 4006.7200

Notícia

Horário de verão terá uma semana a mais em 11 estados; Ceará está isento da medida

A estimativa é que sejam poupados R$ 278 milhões com geração de energia térmica. Na edição anterior a economia foi R$ 405 milhões

Por: verdinha às 10:32 de 19/10/2014

Foto: Agência Brasil

Foto: Agência Brasil

A partir da 0h deste domingo (19) os moradores das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste deverão adiantar seus relógios em uma hora. A edição 2014/2015 do horário brasileiro de verão terá uma semana a mais, para não coincidir com o carnaval, e terminará no dia 22 de fevereiro do ano que vem.

Segundo o Ministério de Minas e Energia, mesmo com uma duração maior, a medida deverá resultar em uma economia menor do que no ano passado. A estimativa é que sejam poupados R$ 278 milhões com geração de energia térmica. Na edição anterior a economia foi R$ 405 milhões.

O valor é menor devido à escassez de chuvas que elevou o uso da energia gerada pelas usinas térmicas. A estimativa é reduzir 4,5% na demanda de energia no horário de pico, entre as 18h e as 21h, o que representa 2.595 megawatts.

Instituído pela primeira vez em 1931, o horário de verão é adotado sempre nesta época do ano para aproveitar melhor a luminosidade natural do dia e reduzir o consumo de energia, que cresce naturalmente por causa do calor e do aumento da produção industrial às vésperas do Natal.

Com a mudança de horário é possível reduzir a demanda por energia no período de suprimento mais crítico do dia, entre as 18h e as 21h, quando a coincidência da utilização de energia elétrica por toda a população provoca um pico de consumo. Com a redução, o uso de energia gerada por termelétricas pode ser evitado, reduzindo o custo da geração de eletricidade.

O horário de verão só é aplicado nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste, porque nesses estados o consumo é maior e é onde os melhores resultados são alcançados. A aplicação no Norte e no Nordeste não foi recomendada, porque teria poucos benefícios em termos de economia de energia. Segundo o Ministério de Minas e Energia, o aproveitamento da luz natural ao longo do dia no verão é maior em locais mais próximos aos trópicos. Nos locais mais próximos à Linha do Equador o aproveitamento é reduzido, porque há uma menor intensificação da luz natural ao longo do dia.

 

Fonte: Agência Brasil 

Esporte

Fortaleza empata em 0 a 0 com o Macaé, no Estádio Moacyrzão

Decisão que classifica um dos times para a semi-final da Série C fica para o dia 25, na Arena Castelão

Por: verdinha às 9:27 de 19/10/2014

Foto: Bruno Gomes

Foto: Bruno Gomes

O Fortaleza empatou com o Macaé em 0 a 0, na noite deste sábado (18), no Estádio Moacyrzão, em Macaé. No dia de seu aniversário de 96 anos, o Leão não atingiu as expectativas dos torcedores, na primeira partida das quartas de final na Série C, e terá de vencer o próximo confronto que acontece no dia 25, na Arena Castelão.

Mesmo com melhor nível técnico que o time da casa e tendo a melhor campanha da primeira fase do campeonato, o Fortaleza não conseguiu se impor e teve dificuldades de criar chances de gol. No segundo tempo, o time macaense chegou a ameaçar o tricolor, mas também não conseguiu marcar.

Um novo empate sem gols, no jogo do dia 25, leva a partida para os pênaltis, enquanto uma igualdade com gols, classifica o time do Macaé para a semi-final.

Esporte

Ceará perde para Joinville de 3 a 0 e segue fora do G4; ouça gols

Por: verdinha às 19:11 de 18/10/2014

Foto: FolhaPress

Foto: FolhaPress

A Arena Joinville, em Santa Cantarina, sediou a derrota do Ceará para o time da casa neste sábado (18). Com um placar final de 3 a 0, o jogo da 30ª rodada da Série B do Brasileiro teve como vencedor o Joinville, que obteve 54 pontos e a segunda posição na classificação. O Vozão se manteve com 50 pontos, ficando de fora do G4.

No primeiro minuto de jogo, o Edgar Junio abre o placar para o time catarinense, no canto esquerdo do gol.

Ouça gol de Edgar:

É necessário ter a última versão do Adobe Flash Player para a visualização desse player.

Aos 24 minutos do primeiro tempo, por falha no corte do goleiro do João Marcos, o atacante aproveitou Fernando Viana a bola na direção favorável e fez o segundo para o Joinville.

Ouça o gol:

É necessário ter a última versão do Adobe Flash Player para a visualização desse player.

No segundo tempo, o alvinegro, mesmo depois de algumas tentativas, não concretizou as finalizações. Aos 32 minutos, o Joinville fez o terceiro gol numa cobrança de escanteio.

Ouça gol de Rogério:

É necessário ter a última versão do Adobe Flash Player para a visualização desse player.

O time do técnico Sérgio Soares volta a campo na terça-feira (21) para enfrentar o Icasa no estádio Romeirão, às 19h30 (no horário de Brasília). O JEC joga novamente na Arena já na próxima terça-feira, às 21h50, contra o ABC.

Notícia

TSE suspende mais um trecho da propaganda de Dilma Rousseff

Texto da propaganda informava que o candidato Aécio Neves (PSDB) construiu um aeroporto em terreno de sua família

Por: verdinha às 12:32 de 18/10/2014

dilma

Foto: Agência Reuters

O ministro Tarcisio Vieira de Carvalho Neto, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), suspendeu ontem (17) trecho da propaganda eleitoral da coligação Com a Força do Povo (PT, PMDB, PSD, PP, PR, PDT, PROS, PCdoB e PRB). O texto informava que o candidato Aécio Neves (PSDB) construiu um aeroporto em terreno de sua família e mantinha as chaves “nas mãos de seu tio”. A propaganda foi veiculada na quinta-feira (16). O trecho não pode mais exibido.

Na decisão, o ministro explicou que o horário eleitoral gratuito “não pode ser desvirtuado para realização de críticas destrutivas da imagem pessoal do candidato adversário, nem é justo que o ofendido tenha de utilizar seu próprio tempo para se defender de ataques pessoais, em prejuízo de um autêntico e benfazejo debate político”. O candidato Aécio Neves também requereu direito de resposta, mas o pedido ainda não foi julgado.

Na sessão de quinta-feira, o plenário do TSE decidiu firmar novo entendimento sobre conteúdos exibidos durante a propaganda eleitoral gratuita. Na ocasião, o presidente da Corte, ministro Dias Toffoli, alertou que as campanhas políticas deverão ser baseadas em propostas de governo e não em ataques pessoais.

“O TSE reformula jurisprudência anterior, permissiva em matéria de propaganda eleitoral gratuita, caminhando no bom sentido de estabelecer que, nos programas eleitorais gratuitos, as propagandas têm de ser programáticas, propositivas. O debate pode ser ácido ou duro, mas relativo às questões programáticas e de políticas públicas”, salientou Toffoli.

As informações são da Agência Brasil

Notícia

Países com maior expectativa de vida têm mais casos de câncer, diz oncologista

Envelhecimento da população aumenta o risco da doença, pois diminui o sistema imunológico

Por: verdinha às 11:41 de 18/10/2014

Foto: Kelly Freitas/Diário do Nordeste

Foto: Kelly Freitas/Diário do Nordeste

Em tempos de “Outubro Rosa”, o oncologista e presidente do Comitê Estadual de Controle do Câncer , Luiz Porto, alerta para a necessidade de prevenção não só do câncer de mama, mas também de outros tipos da doença. Em entrevista ao jornalista Evandro Nogueira, no programa Sábado Show deste sábado (18), o médico explicou que à medida que a expectativa de vida de um País aumenta, cresce o risco de câncer.

“O Brasil foi um dos países onde houve maior aumento da expectativa de vida. Esse envelhecimento da população aumenta o risco de câncer porque diminui o sistema imunológico, aumentando o tempo de exposição aos fatores de risco”, disse o cancerologista.

Ouça a entrevista com o doutor Luiz Porto:

É necessário ter a última versão do Adobe Flash Player para a visualização desse player.

Porto afirmou que a falta de prevenção é uma das características mais graves, especialmente, da mulher brasileira. Além das medidas preventivas necessárias, ele aponta para uma mudança de hábitos da população, principalmente, no que diz respeito à alimentação.

“A população brasileira abandonou hábitos saudáveis, como comer alimentos que tenham fibra, como farinha e feijão. Atualmente, o fast food, a pizza e alimentos sem fibra, de maneira geral, têm aumentado a possibilidade de câncer no aparelho digestivo, principalmente nos cólons”, observou.

Para o oncologista, a importância de movimentos como o “Outubro Rosa” se estende para além do mês de outubro. No município de Baturité, por exemplo, um grupo de mulheres que lutam contra o câncer de mama promove atividades durante todo o ano. “Nesse município, a cobertura pela mamografia é muito maior e o índice de diagnóstico em câncer inicial tem aumentado”, disse.